quarta-feira, maio 02, 2007

Cientista norte-americano diz que Árctico está a derreter mais rápido do que as previsões da ONU

1979 - 2005


"O glaciologista norte-americano Ted Scambos alertou hoje que o degelo do Árctico leva já 30 anos de avanço sobre as previsões do Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas (IPCC).


Isto significa que, durante o Verão, o oceano árctico pode ficar livre ou quase livre de gelo já em 2020, três décadas mais cedo do que as piores previsões do IPCC, que apontavam para 2050. (...)"



Ver notícia completa aqui (in Público)

1 comentário:

J. Moedas Duarte disse...

Mais um alerta que os EUA e a China teimam em ignorar - como acabo de ouvir no noticiário da RTP.

Por tudo isto, aprecio cada vez mais o trabalho de divulgação que muita gente tenta fazer. Como neste blogue.
Referência obrigatória, igualmente: "De Rerum Natura". Acabo de ler a excelente entrevista ao editor da Gradiva. A rapaziada do Terra Que Gira já por lá passou, com certeza.