sábado, junho 08, 2013

Como fechar um Oceano?



Uma questão ainda pendente no seio da teoria da tectónica de placas é como se inicia o fecho de um Oceano? É relativamente aceite pela comunidade científica que o movimento das placas listosféricas é responsável pela ruptura de supercontinentes e pela formação de novos Oceanos, como foi o caso da fracturação da Pangeia e subsequente formação do Atlântico. Oceanos estes que acabarão um dia por fechar. Este ciclo de criação e destruição de oceanos é  denominado Ciclo de Wilson.

Após sua formação nos ríftes, e com o passar do tempo, a litosfera oceânica arrefece e torna-se mais densa do que o manto subjacente. Consequentemente, passados alguns milhares de anos esta torna-se graviticamente instável e tende a colapsar no manto, num processo denominado subducção. É o processo de subducção, através da força de slab-pull, que leva os continentes a entrarem novamente em rota de colisão formando novos supercontinentes. Para que tal ocorra é necessário que as margens passivas dos continentes se tornem activas, ou seja, é necessário que novas zonas de subducção se formem. No entanto, à medida que arrefecem, as placas oceânicas também se tornam mais resistentes à deformação, tornando improvável o processo de fracturação espontânea (isto é, ao início de subducção exclusivamente devido à gravidade) das margens passivas.

Um modelo alternativo considera que, ao invés, as zonas de subducção podem propagar-se de um oceano para outro, como parece ter sido o caso das zonas de subducção dos arcos da Nova Escócia e das Pequenas Antilhas, dois exemplos de propagação do Oceano Pacífico (repleto de zonas de subducção) para o Oceano Atlântico (um oceano dominado por margens continentais não activas).

Num artigo recente, subscrito por uma equipa de cientistas da Austrália, Portugal e França, e publicado na revista Geology, é sugerido, com base num novo mapa tectónico de grande detalhe, que uma nova zona de subducção se está a formar na frente do Arco de Gibraltar e a propagar ao longo da Margem Oeste Portuguesa. Esta potencial zona de subducção poderá ser a percursora de um sistema de zonas de subducção Atlânticas que, em conjunção com os outros arcos referidos, poderá levar ao seu fecho. As evidências apresentadas sugerem ainda que a formação de novas zonas de subducção em margem passivas poderá ser um processo invasivo que terá um papel crucial nas fases finais do Ciclo de Wilson.


Aqui está o link para o artigo: 

Are subduction zones invading the Atlantic? Evidence from the southwest Iberia margin. Por João C. Duarte, Filipe M. Rosas, Pedro Terrinha, Wouter P. Schellart, David Boutelier, Marc-André Gutscher e António Ribeiro. Geology, 2013.


Imagem adaptada de Schellart and Lister (2004) and Duarte et al. (2013).

7 comentários:

Joaquim Moedas Duarte disse...

Olá! Seja bem aparecido um POST neste belo blogue!
Vou ler!

Abraço

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

For example, if you just moved from Miami to Chicago, there are probably not a lot of Salsa radio stations
to listen to in the Windy City. Tens of thousands of people all across the United States are
starting their own Internet radio shows - for free. Whether you are a fan of NC Hammer or any other hip hop,
you could hear it as many times as you can in a hip hop radio.


Here is my web page ... Internetradio Aufnehmen

Anónimo disse...

Thanks a lot for sharing this with all folks
you really know what you are talking approximately!
Bookmarked. Please also discuss with my site =). We will have a link alternate arrangement
among us

My web site :: jaun

Anónimo disse...

birth control pills: Using lozenges solitary expression more than youthful and getting your penis grow
hairsbreadth on its psyche. The intellect it's so ofttimes debated, debated all over utilising penis specific wellness cremes which are essential vitamins and minerals to specifically help oneself increase blood flow to the penis and ply completeall bombastic penis. Penis skin recipes can facilitate forbid unpleasant odors - A declamatory penis cr?me that holds natural antibacterial factors such as vitamin A can through electric cell variance and propagation and suits endeclamatoryd to keep more rake.

Stop by my weblog ... penis advantage penis advantage review penis advantage reviews penisadvantage penisadvantage review penisadvantage reviews

Anónimo disse...

I must thank you for the efforts you've put in writing this site. I really hope to check out the same high-grade blog posts from you in the future as well. In fact, your creative writing abilities has motivated me to get my own site now ;)

Review my site - cracking **